São Manuel reforça ações de prevenção e combate à escorpiões
Em caso de acidentes, lavar o ferimento com água e sabão e em seguida procurar o Hospital
Rádio Clube 22/11/2021 11:02h
São Manuel reforça ações de prevenção e combate à escorpiões
Foto: Reprodução
Diante do aumento de casos de aparições de escorpiões em São Manuel, a equipe da saúde reforçará as ações de prevenção e combate para reduzir a infestação desses animais.
Em 2021, foram registrados 7 acidentes escorpiônicos, sendo que 5 ocorreram nos últimos 50 dias. Esses dados ainda podem aumentar devido ao crescimento de casos de aparições de escorpiões em nossa cidade. E, com o calor excessivo, chuvas constantes e aumento na oferta de alimento para esses animais, o risco nessa época do ano também tende a crescer.
São nessas mesmas condições que os escorpiões se reproduzem, fazendo com que, além de serem mais visíveis por saírem de seus esconderijos, aumentam a população em toda a cidade.
Medidas Preventivas:
Para evitar a presença e proliferação de escorpiões devem-se adotar as seguintes medidas:
Manter a tampa dos ralos internos na posição fechada; abrir apenas para limpeza e enquanto estiver em uso;
Colocar telas milimétricas nos ralos na área externa;
Vedar frestas nos muros, paredes e pisos;
Vedar a soleira das portas com rodinho ou rolinhos de areia;
Não acumular entulho ou materiais de construção;
Verificar se os espelhos de luz e pontos de fiação elétrica não apresentam frestas e vãos;
Manter o ambiente limpo e organizado; acondicionando o lixo em recipientes fechados; manter a limpeza de jardins, sem acúmulo de folhas; providenciar a limpeza e corte do mato em terrenos.
Para evitar acidentes:
Examinar roupas e calçados antes de usá-los;
Manter cama, sofás, berços afastados da parede;
Manter lençóis, cobertores, cortinas sem contato diretamente com o chão;
Usar luvas grossas ao manusear materiais de construção, na limpeza de jardins ou outros materiais que possam servir de abrigo a escorpiões.
Escorpiões têm predileção por ambientes escuros, quentes, úmidos e que tenham insetos, especialmente baratas, alimento favorito do aracnídeo. Por isso, podem ser encontrados em subsolo de edificações, construções inacabadas, entulhos, terrenos baldios, cemitérios, forros, ralos e sótãos de casas, e os acidentes são mais comuns no verão.
O ideal é evitar ambientes assim, não acumular materiais de construção (com vigas, telhas, tijolos etc.) e manter a casa e quintal sempre limpos. A permanência do animal na casa só vai ocorrer se ele tiver onde se abrigar (como frestas de paredes, cantos de armário, entulho), alimento e água. "Evitar focos de umidade e manter as áreas limpas, sem restos de comida, incluindo a de animais, que possam atrair baratas, são fundamentais".
Em caso de acidentes, lavar o ferimento com água e sabão e em seguida procurar o Hospital para acompanhar a evolução da picada. Se possível, levar o animal ou uma foto para identificação da espécie, permitindo assim uma avaliação mais eficaz sobre a gravidade do acidente.
comentários
redes sociais Acompanhe-nos em nossas redes sociais.
whatsapp da clube (14) 99711-2555

Todos os direitos reservados © Clube Regional 2021 - [email protected] - telefone: (14) 99711-2555